Cultura TV

16/12/2016 | domtotal.com

Presidente colombiano: Escobar não deveria ser exaltado em 'Narcos'

"Pablo era um assassino, que não merece, em nenhuma circunstância ser exaltado".

Uma enorme propaganda da produção televisiva foi exposta no centro de Madri.
Uma enorme propaganda da produção televisiva foi exposta no centro de Madri. (EFE/Chema Moya)

O presidente colombiano, Juan Manuel Santos, assinalou nesta quarta-feira (14), na Espanha, que Pablo Escobar não deveria ser exaltado como herói, em referência à série 'Narcos', produzida pela Netflix.

"Pablo Escobar era um assassino, que não merece, em nenhuma circunstância e de nenhum ponto de vista, ser exaltado como um herói", afirmou à rádio espanhola Onda Cero, referindo-se a uma enorme propaganda da produção televisiva exposta no centro de Madri.

Santos se encontra na Espanha, em um giro pela Europa após ter recebido seu Prêmio Nobel da Paz.

O cartaz situado perto da Porta do Sol, o coração da capital espanhola, mostra o narcotraficante Pablo Escobar, vivido por Wagner Moura, junto ao slogan "Oh, Natal Branco", em clara referência à cocaína.

A chanceler colombiana María Ángela Holguín reclamou a retirada do cartaz junto à prefeitura de Madri pela imagem negativa que oferece do país.

Uma porta-voz governamental declarou que não há previsão de retirar a propaganda cuja mensagem, segundo ela, não faz apologia do consumo de drogas.

"Como produção, é uma série muito boa. Acontece que nós, colombianos, vivemos o drama Pablo Escobar e sofremos com essa recordação de um homem que mandou matar milhares de pessoas", destacou Santos.


AFP

TAGS




Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!



Outras Notícias

Não há outras notícias com as tags relacionadas.